Sem título

>)))°> Olá amigos do Bloglorioso!

Reta final de Campeonato Brasileiro e a impressão que fica é bastante confusa. A única definição plausível é que a qualidade do futebol praticado em terras brazucas caiu muito. Ou melhor, caiu mais que o Palmeiras nos últimos anos.

Os corintianos não estão felizes com o desempenho do seu time. Os santistas precisam apontar pro céu e agradecer pela posição alcançada – até agora. Os palmeirenses vivem a mesma frustração que a Dona Leila. Os são paulinos… Ah, deixa pra lá.

O Santos, como disse anteriormente, não quer mais nada esse ano. A partida de ontem no Recife nos faz entender porque Levir Culpi hesita em mexer na equipe. Kayke é nosso Nílson 2.0 – update 2017. Copete… Pra que veio? Assim como a maioria das contratações: Vladimir Hernández, Matheus Ribeiro, Vecchio, Nilmar, Leandro Donizete, Noguera, Cleber Reis… Quem faz o scout desses jogadores?

Como é de costume, em toda fase ruim do alvinegro, a Vila Belmiro amanheceu pichada com frases exigindo a saída de alguns jogadores e críticas direcionadas ao presidente Modesto Roma. E como é de praxe, em toda fase ruim de clubes no Brasil, o Santos vai acordar amanhã sem técnico.

O Brasileirão da série A é definitivamente o campeonato dos menos piores. Vence quem errar menos. A luta geral na tabela não é pelo êxito, é por não fracassar. A maior briga na tabela é na parte de baixo, contra o rebaixamento. Na ponta de cima, ninguém quer a taça. Ela está na mão do Corinthians porque, enquanto os adversários disputavam outros torneios, fez um primeiro turno muito bom.

As diferenças em pontos são mínimas. Você empata um jogo e cai 3 posições, vence um e sai da zona. O Santos era segundo e agora é quarto. Além da qualidade técnica duvidosa, o Brasileirão é um campeonato bipolar. As coisas mudam de uma rodada para a outra. Ontem sonhávamos em título, hoje estamos preocupados em ficar de fora da Libertadores.

Há quem defenda a colocação do Santos em 2017 em comparação a outros anos – inclusive quando teve Neymar e terminou na parte de baixo da tabela. A questão é que em anos anteriores o campeonato tinha outro nível e clubes mais fortes. Deco, Adriano, Conca, Neymar, Ronaldinho, Ricardo Goulart, Paulinho, Rogério Ceni, Alex, Julio Baptista, Vagner Love, Ganso, Borges, Lucas, entre outros, são apenas alguns nomes que disputaram o BR nos últimos anos.

O time do Santos de 2017 é péssimo, é horroroso! Mas sobrevive em um dos piores campeonatos da história. Sorte a nossa.

Foto de capa: Ivan Storti / Santos FC

Seja sócio do Santos F.C. sociorei.com.br 

Compre somente produtos oficiais do Santos F.C. santosstore.com.br 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s